• Carol Sessa

Pode comer batata inglesa?

Será que a batata doce é realmente a de melhor escolha? Já comeu batata inglesa e se sentiu super culpado?


As batatas em geral, são tubérculos ricos em carboidrato, que constituem 16% de sua composição, 2% de proteína e sua maior parte é de água, 80%.


A batata inglesa é mais rica em amido e pobre em fibras, comparada com a batata doce e a baroa. Por isso, ao ingerirmos, poderá acontecer um pico de glicemia maior que com as outras.


Já a batata doce, além de seu sabor característico, diferencia-se da baroa e da inglesa, pelo seu maior teor de fibras, assim, resultando em um menor índice glicêmico.


A batata baroa, também conhecida como mandioquinha, de cor bem amarelada, é a que mais possui vitaminas do complexo B e C e seu teor de fibras também é interessante!


Mas se você não aprecia o sabor da batata doce ou da boroa, o certo seria parar de comer a batata inglesa? Não! É só você consumir junto com salada crua e legumes bem coloridos, para compensar a falta de fibras!


Abaixo segue a informação nutricional, caso você tenha curiosidade:


Batata inglesa (100g)


64Kcal

1,2g de fibra

14,7g de carboidratos

1,8g de proteína

31,1 mg de Vitamina C

4mg de Cálcio

302mg de Potássio


Batata doce (100g)

118 Kcal

2,6g de fibra

28g de carboidrato

1,3g de proteína

16,5mg de Vitamina C

21mg de Cálcio

340mg de Potássio


Batata baroa (100g):

101Kcal

2,1g de fibra

24g de carboidrato

1g de proteína

7,6mg de Vitamina C

17mg de Cálcio

505mg de Potássio


E aí, qual você escolhe? Texto por: Carol Sessa e Lorenza Carletti

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Siga

  • YouTube - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle

Vila Velha - ES

(27) 99223-3987 / 99241-5077